english
IBSP-Herpeto - Coleção Herpetológica "Alphonse Richard Hoge"
Instituto Butantan
Laboratório de Herpetologia
São Paulo - São Paulo
networkManager

 
 
acervo   [ consultar ]   [ dataCleaning ]
registros:  total
80000
online
66167
georreferenciados
0
com imagens
0
software
MS-Excel
online desde
07/12/2004
última atualização
11/10/2005
resumo

A Coleção Herpetológica "Alphonse Richard Hoge" é uma coleção de serpentes de representatividade mundial, com ênfase nas serpentes Neotropicais e, em especial Brasileiras. É a maior coleção de serpentes Neotropicais do mundo, com quase 80.000 exemplares. Faz parte da coleção principal, uma série de coleções acessórias como: » Exemplares tipo; » Coleção osteológica; » Coleção de hemipênis; » Banco de imagens; » Banco de tecidos; » Coleção do Hospital Vital Brazil do Instituto Butantan, um acervo de 8.000 exemplares de serpentes causadoras de acidentes, trazidas juntamente com os acidentados ao Hospital; » Cadastro do recebimento das serpentes que entraram no Instituto Butantan, desde 1908 até agora. A maior parte do acervo é composta por exemplares conservados em via úmida, ou seja, submersos em álcool etílico 70%, acondicionados em vidros e dispostos em prateleiras metálicas. O acervo está em processo de informatização em Excel, já tendo sido magnetizado dados referentes a cerca de 70% do acervo. Além disso, o acervo está sendo reorganizado, visando um melhor acondicionamento do material biológico, facilitar sua disponibilização aos seus consulentes e permitir um melhor gerenciamento dos procedimentos de curadoria. Para tal, cada exemplar está sendo reidentificado, tem seus dados acompanhantes chegados e atualizados, é acondicionado em vidros de tampa boa, de modo que em cada vidro haja apenas uma espécie procedente de uma localidade. Estes vidros são colocados em estantes de aço, obedecendo a seguinte ordem: » Taxonômica: organizado por família, do mais primitivo ao mais derivado; » Dentro de cada família, os gêneros são dispostos em ordem alfabética; » Dentro de cada gênero, as espécies são dispostas em ordem alfabética; » Se há subespécies, estas são dispostas em ordem alfabética; » Dentro de cada espécie ou subespécie, são distribuídos por país em ordem alfabética; » Referente ao Brasil, é disposto dentro dos Estados em ordem norte-sul, oeste-leste; » Dentro de cada estado, por município em ordem alfabética; » Eventualmente, localidades mais precisas são individualizadas e dispostas em ordem alfabética dentro de cada município Contamos com mais de 60% da CH reorganizada. Os procedimentos de reorganização implicam num aumento de espaço ocupado pela coleção. O espaço disponível não é suficiente. Parte do acervo não reorganizado está condensado em pequena área, em vidros lotados muito além dos limites aceitáveis, empilhados de forma a dificultar a manutenção e acesso. Assim, a disponibilização deste material para a comunidade científica é muito mais difícil e, em alguns casos, inviável.

condições para utilização dos dados

Não especificado

como citar

Não especificado

Busca
dataCleaning
email
Centro de Referência em Informação Ambiental, CRIA